fbpx

Fumar perto do bebê: Saiba as consequências!

Hoje é o Dia Nacional do Combate ao Fumo. Essa data tem como objetivo alertar a população dos riscos do tabaco e o que ele carreta nas pessoas. Não somente quem fuma, mas quem está perto do tabagista.

Sendo assim, esse alerta também é muito importante para os pais que fumam perto dos filhos. Afinal, esse ato traz sim consequências para as crianças.

Já é bem sabido que o fumante passivo, aquele que aspira a fumaça do cigarro de outra pessoa, desenvolve tantos problemas de saúde quanto os tradicionais fumantes. Isso quer dizer que basta que apenas um dos pais tenha o vício para que a criança carregue consequências ao longo da vida.

As estimativas da Organização Mundial da Saúde (OMS) mostram que uma em cada quatro crianças brasileiras estão expostas aos efeitos nocivos do cigarro dentro de casa. E, não adianta fumar em um quarto onde a criança não esteja ou, mais comum, no quintal de casa. As substâncias não se dissipam com o ar, pelo contrário, elas permanecem na pele, nas roupas, no cabelo da pessoa que fuma e podem ser passadas para as outras pessoas.

Separei cinco complicações que o cigarro pode trazer para a criança. Confira:

Perda da capacidade auditiva

A nicotina causa falta de oxigenação nas células auditivas, que adoecem e morrem, isso significa a diminuição na capacidade auditiva da criança. Não significa surdez necessariamente, mas pode afetar como a criança processa a informação.

Agressividade e isolamento social

Quanto mais cedo a criança é exposta à fumaça do cigarro, maiores são as chances de desenvolver problemas de comportamento, como agressividade e isolamento social. É o que diz um estudo da Universidade de Montreal, no Canadá. A exposição aos agentes nocivos da fumaça retarda o crescimento do cérebro e podem alterar as funções neurológicas.

Doenças do coração

Se você fuma dentro de casa, o coração do seu filho sente!

Mais infecções respiratórias

Doenças respiratórias, como rinite ou asma, aumentam, e essas crianças tendem a ter mais infecções respiratórias.

Sintomas de dependência

Filhos de pais tabagistas podem sentir sintomas típicos da dependência de nicotina, como humor deprimido, dificuldade para dormir, irritabilidade, ansiedade, inquietação, dificuldade de concentração e aumento de apetite.

Depois dessas consequências, é melhor ficar sem fumar, né? Não só por você, mas também pelo seu filho! Procure um médico para te ajudar!

Comentário

Nenhum comentário neste post. Faça o primeiro.

Deixe um comentário

: )